domingo, 20 de março de 2016

Uma semana horrível: basquete, futebol e morte do Gaúcho e o balanço do Anjo da Guarda Rubro Negra


Foi uma semana para ser esquecida.

Eis que começa com uma odiosa, não menos dolorosa, eliminação da Liga das Américas de Basquete, após está vencendo por 17 pontos e faltando sete minutos para encerrar a partida!

Com o time baqueado, quem esteve lá pôde sentir o ambiente de tristeza após o final da partida, fizeram até um jogo duro contra o Mogi, entretanto perderam e terminaram em um horroroso quarto lugar.

Na quarta-feira o basquete voltou a perder, a terceira consecutiva, e novamente por dois pontos de diferença para uma equipe brasileira. A derrota desta vez foi em casa, no Tijuca, para o Brasília.

A sorte é que o Basquete Cearense voltou a aprontar e, depois de vencer o Brasília e o Flamengo, derrotou o Bauru. Com isso o Rubro Negro segue líder.

Depois, o futebol do Flamengo perdeu para o inacreditável Confiança por 1 x 0, pela primeira fase da Copa do Brasil, mesmo tendo um jogador a mais durante praticamente toda a partida. O time criou pelo menos cinco chances no primeiro tempo.

Na etapa final o adversário acertou a marcação, equilibrou o jogo e ainda conseguiu sair com a vitória.

Muricy parece está propenso a morrer com os três atacantes de qualquer forma, em qualquer jogo e circunstância, mesmo contra um rival todo fechado. Será que quando tiver com Mancuello, Ederson e Allan Patrick à disposição vai escolher só um destes?

Na quinta-feira, a triste notícia da morte do ex-atacante Gaúcho, campeão em 1992. Foi enterrado em sua cidade local com o manto do Flamengo sobre o caixão.

Na sexta-feira foi divulgado o balanço do Anjo da Guarda Rubro Negro.

Em 70 dias de campanha, o projeto arrecadou pouco mais de R$ 915 mil com 675 participantes. Uma queda de 15 % em relação a 2014. Cerca de 63% representa doações entre 1 mil e 5 mil reais.

Algumas notícias nada boas: nenhuma doação de ex-presidentes, mínima participação das principais forças políticas do clube e nenhuma participação de jogadores de futebol, que poderia ter dobrado o valor arrecadado.

Os esportes olímpicos não são tratados como merecem, mesmo depois de tantas conquistas.

Eis que se inicia uma nova semana e com uma boa notícia. Já foram vendidos 26 mil ingressos para o Fla x Flu deste domingo. Que venha a vitória, neste dia de invasão Rubro Negra em São Paulo.

Que venha uma ótima semana para faze esquecer essa que passou.

4 comentários:

Marcelo disse...

Alguém sabe se o clube faz apresentações a seus atletas, especialmente do futebol, sobre o Anjo da Guarda? Será que nenhum atleta, se souber do que se trata, teria vontade de contribuir?? Nem mesmo atletas dos próprios esportes olímpicos contribuíram, André? Provavelmente daria pra arrecadar um montante bem razoável com os atletas do basquete, por exemplo.

josecarlosf84 disse...

André, há algum risco de diminuição de investimentos para a próxima temporada no basquete?

Digo isso porque a umas 2 semanas atrás começaram a surgir noticias de que o Governo do Estado só em 2015 abriu mão de algo em torno de 200 milhões de reais em ICMS e já há uma pressão da câmara em vetar boa parte desses projetos devido a crise financeira no RJ...

Como os patrocinios do basquete do Flamengo em boa parte vem de leis de incentivo, somado a campanha oscilante desse ano, fica essa dúvida.

Será que não era o momento da torcida (a que acompanha o basquete, lógico) começar a pressionar ainda mais as autoridades pela Arena Mc Fla, que a meu ver é a única forma de alavancar o esporte em meio a essa crise.

Joanilson Silva disse...

Sobre a duvida entre Allan, Mancu e Ederson pelo visto esta mais do q claro q o Sheik é titular absoluto e nenhum dos 3 tem a velocidade para disputar vaga com o Cirino q tbm não esta bem.

Espero q a diretoria consiga esse ano terminar com o mesmo tecnico q começou o ano, mas o cenario q pinta é uns 49 ou 55 pontos, nada alem do q isso, so não sei se estou sendo otimista demais em esperar 55 pontos.

Levando em conta os jogos contra times da Serie A, perdemos somente para o Poderoso Santa Cruz, mas ganhamos do Galo em MG, mas so jogamos os ultimos 45 minutos e das Flores no primeiro turno aonde tbm so jogamos 1 tempo os demais jogos foram empates ridiculos contra o lanterna do Catarinense, Figueira, o poderoso de Minas America e agora contra as flores aonde o cansaço esta claro.

O Estadual q seria boicotado é jogado com força maximo e nem alteração pode ser feita, será q no banco não existe ninguem q possa jogar um pouco a mais do q os titulares exaustos? Será mesmo q não poderia fazer nenhuma experiencia com o Ronaldo no lugar do Colombiano ou tirar o Arão e colocar o Allan de segundo volante com o Ederson dividindo a armação com ele?

Seria um crime muito grande ou loucura da minha cabeça tentar Guerrero e Vizeu juntos, ja q o Peruano ja disse q gosta de servir e sair da area?

Paulo disse...

Joanilson...

A meu ver ..tudo poderia ter sido testado mas nada e feito... O que realmente não dá e o treinador não fazer as 3 substituições nos jogos com o time morto ...e o sheik com 38 anos jogando todos os jogos sem ser substituído nem se ele fosse o Pelé... Porque, por exemplo não dar uma chance ao Thiago Santos que jogou bem contra o Bangu.. Ou colocar o Alan Patrick junto com o Ederson no lugar do sheik.

Mudando de assunto , eu me preocupo em muito com o DP comercial do Flamengo e sua capacidade de captar patrocínio novos. Acho realmente preocupando depender das lei de incentivo e principalmente dos governantes do Rio , que so prejudicam o Fla e não facilitam em nada o time que mais representa a cidade , não se esquecem que o secretário de esportes e parte importante na aprovação dos projetos e o Marco Antonio Cabral....filho do Cabral , vascaíno fervoroso.