sexta-feira, 20 de novembro de 2015

NBB 2015/2015: Paulistano 67 x 60 Flamengo - Atualizado


Na sua pior partida do campeonato, o Flamengo perdeu para o Paulistano, fora de casa, por 67 x 60 e agora tem três vitórias em cinco jogos neste NBB.

Com ótimos 22 pontos e 7 rebotes, Caio Torres foi o grande nome do jogo e dominou o garrafão com 66% de aproveitamento.

JP Batista com 11 pontos e 9 rebotes foi o destaque Rubro Negro.

As bolas de três não funcionaram (Marcelinho: 0/4 e Marquinhos 1/4) e o jogo coletivo, que fluiu tão bem nas últimas partidas, não aconteceu.

O time que vinha com uma média de 21 assistências por jogo, desta vez só conseguiu 10. Rafael Luz só acertou duas, e Gegê saiu zerado e também com apenas duas assistências.

O Flamengo chegou a vencer o primeiro quarto por 18 x 15, vencia no segundo quarto por 33 x 19, mas permitiu uma sequência de 11 x 0 do Paulistano, que foi pro intervalo perdendo por 33 x 30.

O terceiro quarto foi equilibrado: 49 x 49, mas no período derradeiro Caio Torres e Dawkins fizeram o Paulistano abrir dez de vantagem: 62 x 52.

Com boa sequência o Flamengo ainda cortou a vantagem para quatro pontos: 62 x 58. Mas o americano Dawkins tratou de esfriar a reação Rubro Negra com uma cestaça de três.

E os tricampeões brasileiros não reagiram mais e perderam por sete pontos: 67 x 60.

Atualização: Foi a segunda pior pontuação ofensiva do Flamengo em toda a história do NBB.

A pior atuação havia sido na derrota para São José no NBB 2013/2014: 81 x 59. No NBB 2011/2012 o Flamengo repetiu os mesmos 60 pontos nos playoffs contra o Uberlândia: 77 x 60.

38 comentários:

Joanilson Silva disse...

O q me chamou a atenção nos números foi q o Caio ñ cometeu nenhuma falta, temos 2 pivos melhor q o Caio e eles ñ conseguiram cavar falta nele e será q nunca teve uma troca q o Luz poderia bater pra cima?

Nesse jogo tivemos um número melhor de rebote ofensivo.

Marquinhos está ainda muito mal nos LL.


É mais uma vez entrou um garoto de 22 anos no adversário e q fez grande papel e do nosso lado nada de novo.

Bcb disse...


Acho bem engraçado que o Flamengo tenha a tabela que tem, com vários jogos fora de casa, contra adversários complicados, logo de cara.

Bem, o campeonato está no começo, o time vai oscilar bastante até se encontrar.

Tudo mais ou menos dentro do script.

josecarlosf84 disse...

Joanilson, Caio está no mesmo nível de nossos pivôs.

Nem de longe lembra mais aquele Caio gordo e lento que jogou aqui (que mesmo assim já dava trabalho, basta lembrar de jogos memoráveis dele aqui no Flamengo contra Peñarol e Uberlândia.): está bem mais magro e com isso ganhou agilidade (tá até enterrando agora), somado ao tamanho (2,13).

Para marcar um cara como Caio só tem 2 alternativas:

- tendo um pivô nas mesmas características (o que hoje nós não temos, pois JP é pesadão, mas é baixo e na verdade joga na 4, porém como tem um bom físico e um poder de marcação acaba sendo dominante como 5 aqui no NBB, porém quando pegar um pivozão de verdade vai ter dificuldade como ontem)

- dobrando a marcação (o que deixa os alas livres).

Também acho estranho ele ter saído sem faltas mas creio ser circunstância do jogo mesmo, é um jogador muito difícil de ser marcado.

Porém sinceramente isso não me preocupa tanto, Caio é um monstro, ele fazer 22 pontos em um dia inspirado é absolutamente normal. Tomar 67 pontos de uma boa equipe como é a do Paulistano também não considero o fim do mundo, muito pelo contrário, acho um mérito e tanto pra defesa, em outros tempos seriam pelo menos 80 pontos.

O que me preocupa mesmo é que o ataque não se encontra. O time hoje depende basicamente de Marquinhos e Marcelinho para fazer as jogadas ofensivas e se eles tiverem em um dia ruim ou bem marcados, ficamos sem opções já que Luz e Robinson não tem o mesmo poder ofensivo e Gegê hoje é um jogador com o qual não se pode contar (ontem terminou com -3 de eficiência).

Tudo bem que JP em alguns jogos vem se destacando no ataque pontuando muito, mas ao meu ver concentrar o jogo no garrafão e depender somente de pivô para pontuar é arriscado, pois no dia que o JP pegar um pivô pesadão tipo Caio ou um Paulão isso acaba sendo anulado como foi ontem.

Ao meu ver o Flamengo teria, dentro do possível, procurar um jogador mais ofensivo para ser reserva nas posições 1-2. Mesmo não admirando muito o estilo de jogo, prefiro o Robinson como titular pois traz mais estabilidade a equipe, porém acho necessário um jogador tipo ''combo guard'' para ser um desafogo nos momentos em que Marquinhos ou Marcelinho estivessem bem marcados.

Agora quanto ao Paulistano ter lançado um jovem que mudou o rumo do jogo (Pecos), eu fico abismado como o Neto ainda dá chances para jogadores que já demonstraram que NÃO tem condições de vestir a camisa do Flamengo.

Ontem o Mingau ''jogou'' 2:51 !!!! Sinceramente, se o Neto tem coragem de colocar um ''jogador'' como Mingau durante quase 3 minutos em um jogo dificilimo, porque não coloca o Gabriel, que ontem tava no banco? o garoto veio bem recomendado da NCAA 1, joga na posição que é a única deficiência da equipe hoje (a 2) não custa nada tentar a sorte, vai que dá certo?

Bcb, a tabela tá confusa por conta da desistência do Limeira. Se vc procurar a tabela original verá que a sequência de sempre (2 casa e 2 fora) vinha sendo mantida.


André Amaral disse...

José Carlos

Foi a segunda pior pontuação ofensiva do Flamengo em toda a história do NBB. A pior atuação havia sido na derrota para São José no NBB 2013/2014: 81 x 59.

No NBB 2011/2012 o Flamengo repetiu os mesmos 60 pontos nos playoffs contra o Uberlândia: 77 x 60.

Pra Liga das Américas é essencial a contratação de um ala-armador.

André Amaral disse...

Algumas informações de quem foi ao jogo: Marquinhos jogou bem no primeiro tempo, mas sempre encarava marcação dobrada. Pra quem tem Gegê e Luz dobrar no Marquinhos vai ser mais do que normal, por isso precisamos de um jogador na posição 1 e 2 que matem bolas, pra desafogá-lo.

No segundo tempo ele sumiu e marcou apenas dois pontos.

Com Benite, Nico e Marquinhos era um trio duro de ser marcado porque todos chutavam bem e quando um não vinha bem, tinha o outro pra compensar.

Jose Carlos disse...

Importante detalhe esse André, tentei puxar pela memória e realmente não lembrava de outros jogos em que tivesse ocorrido isso, somente nessa fatidica partida contra o São José e ontem e agora vc confirma essa informação. Até em jogos longínquos eu lembrava que o Flamengo tinha feito ao menos 70 pontos)

A verdade é que o time conseguiu uma consistência defensiva e uma estabilidade que a muito tempo não se via, porém esse detalhe do ataque é preocupante. Tomar 67 pontos de uma equipe qualificada como o Paulistano é elogiável (só pra lembrar, ano passado tomamos 92 pontos da Liga Sorocabana!!) agora o ataque, especialmente em competições como a Liga das Américas ou os playoffs do NBB preocupa e muito.

Não precisa de grandes alterações, somente um jogador ofensivo para desafogar nossos alas e tirar o ''peso'' das costas do Robinson e Luz. Há bons nomes que já atuaram no Brasil, como Ronald Ramon ou Quezada. Não sei como está a verba do basquete, mas imagino que a diretoria e a comissão técnica já perceberam essa necessidade.

Marcelo disse...

Com relação à tabela, mesmo considerando a saída de Limeira (não consegui encontrar a tabela com Limeira), jogar 6 das 7 primeiras fora de casa é estranho. Só Macaé fará isso tb (pq as tabelas do Fla e de Macaé são similares). Pensei: bem, pelo menos, devemos ter uma sequência favorável na reta final. Qdo fui verificar, percebi que nossos 3 últimos jogos serão fora de casa!

Já Bauru, começa com 4 das primeiras 5 partidas em casa. E fecha a fase de classificação com 3 jogos em casa.

André Amaral disse...

Humm....pouco suspeito.

Anônimo disse...

Prefiro a contratação de um armador principal pontuador, no estilo do Jamal, cairia como uma luva no nosso time, na posição 2 podemos improvisar bem com o nosso elenco. Aguentar Luz e GG na temporada vai ser dose hein!!!

Barreto disse...

Esta derrota foi para um time de mediano para fraco. Não esqueçam que o Paulistano ganhou do Macaé em casa por 84x82 . Isto mesmo tomou 82 pontos do Macaé. Este insucesso de ontem pode ser creditado à conjugação de fatores relativos ao baixo desempenho de alguns atletas.
Marcelo fez apenas 6 pontos. Alguém lembra de algo semelhante? . Robison mesmo não tendo feito até agora nenhuma partida realmente de alto nível , tinha 12 pontos de média nos outros jogos. Ontem converteu apenas 5. Marquinhos apresentou desempenho 4/7 nos lances livres.
Alguém tem registro de um pivô que não tenha recebido nenhuma falta em um jogo inteiro, mesmo quando já é notório que este pivô é medíocre nos tiros livres ? Este fato é inexplicável.
Há outros fatores que podem ser considerados : a ausênca do Olivinha que quase sempre faz mais do que 10 pontos e a permanente ineficiência do Gegê que , inclusive, tem sido assunto recorrente aqui no blog. Gegê ontem jogou 16 minutos com 0/11. Talvez seja melhor que o Gegê passe a tentar menos arremessos, pelo menos assim teremos menos riscos de não ficar com a posse da bola.
Quanto ao Caio Torres sou suspeito para falar porque o considero um jogador também mediano e nunca entendi porque já foi convocado para a seleção brasileira.
Atleta de uma única jogada que todos conhecem e com baixo aproveitamento nos tiros de meia distância e nos lances livres. É perfeitamente viável para um jogador de 2:07, como é o caso do JP e do Meynsse ( envergadura altíssima ), marcar um brucutu previsível com mais eficiência, desde que treinem para tal. Esta é uma das razões pelas quais os cincões, como muita gente chama, não se destaquem na NBA (Paul Gasol e seu irmão não cincões típicos). Todos devem lembrar o show de marcação que Keneth Faried ( 2:03) deu ao marcar os cincões sérvios na final do último mundial.
DE qualquer forma concordo plenamente com todos que julgam necessário a contratação de um jogador para a posição dois de preferência que jogue também na 1.

Barreto disse...

Complementando gostaria de externar que este jogador para a pocição 2 que também jogue na 1 não é dificil de encontar na América do Sul . Já citei aqui no blogg que o san Martin tem dois jogadores desconhecidos, um deles ( Mateo Bolivar ) inclusive recem chegado da 2[ divisão argentina. São muito bons.

PS; JP ontem fez 11 pontos e pegou 9 rebotes

Joanilson Silva disse...

Se o Caio está no mesmo nível do JP foi um absurdo ir buscar ele fora, pois o Caio deve ser mais barato.

O Marquinhos vai sofrer esse ano, pois ninguém tem confiança na bola de três do Luz e Gege e ñ vejo neles capacidade para bater pra dentro.

Talvez o Jason com mais entrosamento possa ajudar mais.

Acho q o Neto tem problemas para lançar jogadores e todo ano será isso de trazer jogadores já formados.

Ñ vejo problema perder para o Paulistano e vejo qualidades em tomar poucos pontos, mas tivemos alguns erros para jogar e tirar o Caio do jogo.

josecarlosf84 disse...

Imagino que o Flamengo não foi atrás do Caio por conta do histórico de contusões que ele teve em São José. Porém hj ele se encontra totalmente recuperado e bem diferente daquele Caio que jogou aqui até 2013.

Barreto disse...

O histórico ruim de contusões do Caio não foi só no São José mas também na Espanha e no Flamengo.

Respeito a opinião de todos mas o meu entendimento sobre a qualidade do Caio é bem diferente. Ter trazido o Caio seria um retrocesso e reduziria muito o repertório de jogadas do time. JP com todos os seus pontos fortes e fracos ainda é muito mais jogador do que o Caio. O Flamengo no estágio que está sempre deve buscar melhorar o plantel individualmente. É evidente que isto nem sempre é possível em função de perdas de jogadores para clubes do exterior.

Barreto disse...

Sempre procuramos explicações para algumas derrotas inesperadas como a de ontem e também para atuações ruins de jogadores de alto nível. Vejam só que ontem na NBA o poderoso Spurs perdeu para New Orleans Pelicans que é o segundo pior time da temporada. Mais incrível do que isso, acreditem. Tim Duncan terminou terminou o jogo sem pegar qualquer rebote.

josecarlosf84 disse...

Realmente a dias em que o time não se encaixa porém não dá pra contar com a sorte sempre. Pro NBB o time atual, estando entrosado e jogando no Rio consegue bons resultados agora pra LDA a situação é preocupante. Não consigo imaginar um jogador como Luz, Robinson ou muito menos Gegê chamando a responsabilidade ofensiva contra, por exemplo, um Regatas ou Peñarol na casa deles. A contratação de um ala armador mesmo que pontual é algo urgente

Anônimo disse...

um nome que considero bom para o Fla contratar seria o Ronald Ramon.

Já tem conhecimento do pais e do basquete praticado aqui e alem de pontuar com facilidade, sabe conduzir a armação de uma equipe.

o que vcs acham?

Barreto disse...

Seria um ótimo nome mas não sei se já não fechou com algum time. Deve ser jogador barato para o padrão Flamengo.

josecarlosf84 disse...

Ramon tá livre. Tava negociando com Rio Claro e 2 clubes argentinos mas não fechou.

Barreto disse...

Jose Carlos

Se não tiver fecado com ninguem tá na hora de contratá-lo. Não acredito que fique muito tempo sem clube. Não sei dizer se já atuou na posição 1. Jogou na 2 no Limeira junto com o Benite que era o armador e depois com o Nezinho.

Anônimo disse...

#SRN
Vou apenas colocar a minha opinião de quem foi ao jogo na sexta e de quem viu outros jogos do Flamengo na temporada passada (afinal a SPORTV ainda não passou nenhum jogo do NBB com exceção da estréia).
O time do Flamengo está sem padrão nenhum de jogo (o que é normal pelo alto número de saída e chegada de jogadores).
O ataque não se encontra, os jogadores batem muita cabeça ainda, sem saber qual a melhor posição, onde ficar, o que fazerem, só com o tempo de treinamento e entrosamento para isso mudar.
Chegou uma hora no jogo que só havia o Marquinhos da temporada passada, os outros 4 eram novos, o quinteto titular que iniciou o jogo só tinha ele do ano passado (se contar que o Gegê era reserva).
Percebe que a defesa está muito forte (embora ninguém tenha conseguido parar o Caio Torres, que está bem mais magro e agiu).
O time defende bem, sabe se comportar na composição defensiva, algo que não fazia nos anos anteriores, no garrafão tanto defensivo como ofensivo briga por todas as bolas, mais o problema está mesmo na armação.
Muito lenta, previsível, burocrática, fácil de ser marcada, e ainda com o time tentando achar a melhor forma de jogar, o Neto vai ter muito trabalho.
O time não tenta as bolas de 3, fomos pressas fácil para esse tipo de jogada do Paulistano. Só temos 2 jogadores que fazem isso (Marcelinho e Marquinhos), o Robinson ainda esta muito travado, tanto ele qto o Luz ainda estão muito burocráticos e percebesse que eles ficam mais acanhados a medida que vão errando, sem confiança, diferente dos jogadores que saíram, pelo que percebo, estão sentindo a pressão de jogar no Flamengo.
O time precisa de um armador e um ala armador que seja confiante, que parta pra cima, que não tenha medo de errar e principalmente que tenha audácia de tentar as jogadas diferentes, sair da mesmice que o time se transformou, com isso é certeza que os jogadores que ficaram vão crescer de novo (Marquinhos e Meyinsse) até o nosso pivô que enterrava, está "triste" percebesse que falta algo pra ele, as jogadas que ele fazia tão bem com o Laprovitolla não consegue fazer com o Luz ou com o Gegê.
O time precisa de um jogador que chame a responsabilidade pra ele, como eram o Laprovitolla e o Benite.
Não estou comparando jogadores aqui, estou comparando o estilo de jogo entre as 2 equipes. Não sei se esses jogadores podem fazer isso, talvez com o tempo, com entrosamento, confiança, e mais a vontade, eles possam mudar o estilo de jogo, porém, não podemos esperar 1 temporada inteira pra saber se isso vai dar certo.
E apenas uma colocação final... O nosso banco é uma piada (tirando os jogadores adultos com exceção do Gegê que é muito fraco - a cada jogo ele consegue ficar pior) os meninos são muito fracos, e que tênis é aquele de Bozo do Mingau? (O Mingau errava bandeja debaixo do aro no aquecimento, o Danielzinho nem se aquecia)... desse jeito a rotação esta limitadíssima.

Anônimo disse...

Sem dúvidas Ronald Ramon é um excelente nome..mas considero q nossa carência principal seja na posição 1, a 2 ta carente tb.Porem , eu acho q precisamos de um armador americano pontuador, q tenha excelente chute de 3, infiltrações e seja agressivo.Se o nosso time mapear bem o mercado garanto q encontra!! Aguentar Luz e GG a temporada inteira não tem como. Tem Liga das Americas ae batendo a porta, abram o olho Póvoa e Vido!! NECESSITAMOS COM URGÊNCIA DESSE REFORÇO NA ARMAÇÃO, nosso garrafão está muito bem servido.Posso cravar com clareza ,se esse reforço não chegar não brigaremos pelo NBB ,nem LDA!! SRN

Anônimo disse...

olha vou falar uma coisa o rafa luz e fraco pra mim ele parece um gege melhorado, concordo com o anonimo precisamos de um armador mais aguerrido pontuador que nao tem medo de arriscar comesses dois armadores esquece liga das americas. O Pávoa vamos acordar

Barreto disse...

Meus Amigos
O Flamengo não vai contratar ninguem para assumir a pósição 1. O titular desta posição até o final da temporada será Rafa luz. O máximo que pode acontecer é a contratação de um jogador da posição 2 que eventualmente jogue na 1. Se isto acontecer também não será nada além de um estrangeiro mediano devido a cotação do câmbio atual. Não se esqueçam que, em função deste câmbio desfavorável, no momento da apresentação do elenco o Flamengo ainda devia ao Laprovittola e ao Herrmann. Podem esquecer que o Fla não gastar mais do que o seu orçamento comporta. Basta perder um jogo para considerar que o time não vai vingar .Calma meus amigos, O Flamengo tem time de sobra para ganhar o NBB.

Jose Carlos disse...

O que vocês acham do Manny Quezada, que jogou a última temporada no São José. É um jogador que atua na posição 1 e 2, habilidoso, sabe infiltrar e tem bom chute de 3. Não sei se já arrumou clube, mas ao meu ver é um jogador barato e capaz de dar esse toque de ofensividade que falta ao time.

Barreto disse...

José Carlos

Manny Quesada é um jogador ainda mais completo do que Ronald Ramon, além disso tem um melhor porte atético.

Estava jogando no basquele Angolano e portanto não deve ser jogador caro.

Jogador para contratar há aos montes porque na situação atual basta ser um jogador mediano para auxiliar na rotação, resta saber se o Fla vai realmente contratar alguem.

Joanilson Silva disse...

Prezados,

pelos post vcs podem ver q muitos falam sobre o entrosamento do time e q precisamos de um jogador para a posição 1 e 2, mas ja param para pensar q um novo jogador para 1 e 2 não terá tbm entrosamento? Será mais um sem entrosamento q vai precisar de tempo.

Então vamos ter q esperar, ano passado so chegamos ao topo no final da temporada.

Anônimo disse...

#SRN
Caro Barreto, normalmente costumo concordar com as suas colocações, mas dessa vez infelizmente vou discordar. Normalmente penso muito mais com o coração do que com a razão, só que nesse momento estou pensando com a razão. Ano passado era um dos que mais apoiava o time, pois sabia da capacidade técnica dele e que nos momentos adversos daria a volta por cima, como aconteceu na reta final do NBB. Mas infelizmente não vejo o mesmo nesse time (sei que falta entrosamento e etc... - já coloquei no post acima a minha opinião em relação a isso).
Não vejo esse time com sobras pra ganhar o NBB e nem a LDA, podemos brigar sim, não penso diferente em relação a isso, mas não tenho a mesma certeza dos anos anteriores.
Eu não vejo algo nesse time que tinha no outro, uma alma, um "Q" a mais, esse não tem, é um time burocrático, igual a muitos outros por aí, sem muitos jogadores que possam fazer a diferença (hj só vejo o Marquinhos e mesmo assim ele não esta conseguindo jogar td o que sabe).
Precisamos de um "algo a mais" e esse jogador o Flamengo ainda não tem, pode ser o Ramon, Quesada, pra mim é indiferente quem seja, o jogador por até mesmo ser mediano, não estou esperando um craque de nível internacional, mas ele precisa ter o "Q" que hj o time não tem, um cara que coloca fogo no jogo, que parte pra cima, infiltra, dribla, que faça algo que os nossos jogadores hj não fazem, tem um jogador no Brasília que gosto muito, o armador Jefferson Campos, ele é um jogador mediano, mas que corre, infiltra, como dizem, coloca fogo no jogo e no time, hj o Flamengo não tem um cara desse estilo, é um time que joga em ritmo lento, sem aquela velocidade dos anos anteriores (sei que muitos irão dizer que hj o time está mas pesado, que no garrafão é muito forte e concordo com td isso, mas sem velocidade, a transição fica lenta e isso dificulta o ataque).
Em relação a colocação do Joanilson, infelizmente tb tenho que discordar, em um time de basquete, o armador tem que fazer o time jogar, chegando um jogador que faça a 1/2 ele deve fazer isso, o entrosamento será fácil, pois o time se adapta a ele e ele ao time, diferente das posições 3,4 e 5 na qual o entrosamento é maior, o Flamengo tem jogadores inteligentes, acima da média, e que com certeza com um jogador da 1/2 inteligente e rápido se adaptariam fácil a ele.
O Rafa Luz tem suas qualidades (discordo qdo falam que ele é um Gegê melhorado), ele é acima da média para os padrões da NBB, principalmente na defesa, porém, é lento, previsível e burocrático, ele funciona muito bem com um jogador 1/2 como era o estilo do Benite, que consiga junto com ele mudar o panorama da partida, ele sozinho não tem o perfil pra fazer isso.
Ele é um jogador de cadenciar, não de fazer a transição rápida, o Flamengo hj não tem esse jogador, o Robinson não é esse estilo, e é um jogador desses que acredito que esteja faltando no time, tem muitos dando soba por ai, basta saber procurar, e não são caros e nem craques, mas que faça o time jogar com velocidade.

Anônimo disse...

Perfeita colocação no comentário acima, assino embaixo!! Realmente o nome do Many Quezada foi mto bem lembrado, seria uma excelente aquisição e cairia como uma luva no nosso time!! CONTRATA O QUEZADA PÓVOA!!

Thiago disse...

Uma coisa que nao foi falada aqui, estava no jogo de sexta, e no ultimo quarto Gustavinho botou o paulistano com Dawkins e Arthur pecos em dupla armação e o flamengo veio com marcelinho na 2, marcelinho marcando um armador, foi lamentável, togamos 4 bolas de em cima dele onde o armador por vezes pecos por vezes dawkins ficaram livres pela lentidão dele, e o pausliano abriu 10pts no ultimo quarto, perdemos o jogo ali, na falha de marcação do marcelinho que não tem mais velocidade pra jogar 2.
Robinson estava claramente mal pela virose e estava mto lento, e o gege mais uma vez errou um passe decisivo no final, gege destoa do time jogador mto fraco, ele 'e ruim em tudo; Finalizacao, marcação(sempre erra na troca) e em passe. Não tem razão para estar nesse time, assim como o Neto, acho que o principal culpado pelas atuações abaixo do que esse or'camento do flamengo merece eh dele, Toma falta técnica todos os jogos, demora pra pedir tempo, coloca jogador em em miss match pra marcar. Sexta ele colocou o mingau 3 minutos em quadra e o meyinsse somente 13. Gege tem 20 minutos de media por jogo mesmo sabendo do nível técnico do jogador que tem a pior eff do campeonato somente 3 pra um jogador com tanto minutos. E sob lembrando essa desculpa de entrosamento não cola ja que o paulistano tem um elenco mais reformulado que o nosso.
SRN

Barreto disse...

A última derrotada inesperada para o Paulistano acendeu a chama da passionalidade de alguns dos nossos amigos que freqüentaram este blog nos últimos dias, cujos comentários revelaram grandes preocupações e restrições com relação ao nosso time de basquete. A leitura que faço do atual time do Flamengo me traz muito otimismo, mas desde já deixo claro que respeito a opinião daqueles com outra visão sobre o tema. Os jogadores que chegaram possuem características bem diferentes daqueles que saíram e isto aconteceu por força do mercado ( desfavorável em função do câmbio) e pelas limitações orçamentárias. Não adianta trazer jogadores fracos para serem protagonistas simplesmente porque possuem as mesmas características dos anteriores. Entendo que é preferível a opção por jogadores de maior qualidade mesmo que isto implique na mudança radical de estilo. Penso que o JP ainda é superior ao Felício, mas comparem a velocidade de ambos ao recompor a defesa após a perda de rebote ofensivo.
Não esperem deste time a velocidade da temporada passada,mas podem contar com uma defesa muito melhor e isto já começou a aparecer nesta temporada. O Flamengo perdeu do Paulistano levando 67 pontos. Tomando 67 pontos, o flamengo será vencedor em mais de 95% dos jogos.
Não sou fã do basquete do Luz, mas não dá para dizer que não seja um jogador de bom nível.
O Robinson ainda está longe de jogar o que jogava na liga ACB, mas acredito que isto irá ocorrer no 2º turno do NBB.
Paciência é a palavra chave, afinal estamos apenas na fase classificatória que não tem assim tanta importância, ainda mais para o Flamengo que nos playoffs joga com a mesma eficiência tanto em casa quanto nos domínios do adversários.
Entendo que falta um jogador para a rotação na armação que faça a posição 1 ou a 2 ou ambas. Os nomes de Quezada e R. Ramon, aqui citados, ajudariam bastante mas não se iludam, estes jogadores são inferiores ao Marcelo, Robinson e Rafa Luz.

Anônimo disse...

#SRN
Barreto, mais uma vez terei que discordar de vc. A derrota para o Paulistano não foi inesperada, pois é o único time invicto no NBB e o jogo foi na casa deles. Claro que o Flamengo tinha e tem time para vence-los, mas não adianta ter apenas no papel, eles precisam mostrar na quadra tb, e isso não aconteceu, mas tb entendo que é início de campeonato e que tanto os jogadores como o time no geral vai melhorar, tb sei que esse time é muito mais forte na defesa do que o anterior, mas individual é pior, e o ataque não é nem sombra do que era nas temporadas passadas. ( e o lance da falta de entrosamento não conta mais, pois da pra saber qdo um time pode fazer mais, e esse não tem muito mais pra apresentar no ataque)
Fazer uma auto análise e colocar as opiniões não significa que estamos sendo passionalistas. Como eu mesmo falei, fui um defensor ferrenho do time na temporada passada, mesmo qdo muitos falavam mal, inclusive vc (por vc o Flamengo não teria renovado com o Marcelinho) ou vc esqueceu disso?
Mas não vejo esse time nem perto do que era o da temporada passada, falta um jogador para a posição 1/2 e não precisa ser um jogador acima da média, mas apenas um jogador que façam os que temos acima da média jogarem, e hj não temos alguém assim.
Gosto do basquete de transição, rápido, defesa e ataque e aprendi a vê o Flamengo jogando assim nos últimos anos, e não desejo ve-lo sendo igual aos outros times.
Se quero que o Flamengo ganhe td, claro que quero, se tenho essa certeza como tinha a temporada passada, não, não tenho. Não vejo isso nesse time, falta algo.
Mas sei que se encontrar esse "algo" que falta, ninguém segura.
Temporada passada o "algo" foi encontrado depois da perda da vaga na final do LDA, mas sempre esteve lá, eles só haviam esquecido, por isso perderam a vaga e depois massacraram os adversários nos playoffs do NBB.
Mas esse time não tem esse "algo" que precisa pra vencer td, e a diretoria precisa descobrir isso, e trazer.

Barreto disse...

Seremos mais fortes que na temporada passada tenho certeza absoluta .Discordo amplamente da sua opinião. Paulistano é time fraco não chega nem entre os quatro primeiros. Em condição normal leva uma surra do Flamengo.

Anônimo disse...

#SRN
Caro amigo Barreto, espero que essas suas opiniões não sejam iguais a que você tinha em relação ao nosso capitão Marcelinho, pois se forem, tenho até medo.... rs
Afinal, você era o maior critico dele, e hj, bom... sem comentários...
Mas torço pra vc estar certo e eu errado...

Abraços e SRN

Barreto disse...

Aí que VC se engana. Contínuo com a mesma opinião sobre o Marcelo. Acho que a renovacao do seu contrato não deveria ter sido feita. Por mais de 20 mil dólares teríamos um jogador muito bom e mais competitivo. Isto não impede que eu o elogie quando faz boas partidas. Ainda é bom jogador mas o seu salário é incompatível com o que ele oferece regularmente em quadra.Infelizmente eu não sei quais foram os seus comentários no passado porque VC é um dos anônimos que passam por aqui


Jose Carlos disse...

Ontem durante o dia vi em alguns comentários nas páginas das chapas no facebook que a Secretaria de Meio Ambiente vetaria o projeto da Arena Multiuso. Alguém aqui sabe se essa informação procede? Eu imagino que seja boato, já que o projeto se arrasta a mais de 3 anos e seria inédito um órgão público se pronunciar sobre aprovação ou veto em pleno final de ano.

André Amaral disse...

Não tenho essa informação, José Carlos, mas sei que esse é o desejo de muita gente, infelizmente. Vou procurar saber.

Thiago disse...

achar que o marcelinho atualmente tem basquete eh um pouco de falta de entendimento do jogo, ele chama responsabilidade e eh líder, mas não tem mais condi'coes defensivas de estar num jogo profissional.