segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

NBB 2012/2013: Uberlândia 78 x 87 Flamengo

Os aplausos são da torcida para vocês!

Ninguém parou o Flamengo nesse primeiro turno. O time derrotou o Uberlândia fora de casa por 87 x 78 e conquistou a 17ª vitória consecutiva, manteve a invencibilidade e ainda derrubou a invencibilidade dos mineiros jogando em casa.

Na quinta-feira às 21:30h o Rubro Negro tem tudo para garantir mais uma vitória, pois enfrenta o Vila Velha no Tijuca, partida válida pela primeira rodada do segundo turno.

Os ingressos aumentaram: agora custa R$ 30 e com o Manto paga R$ 15.

Na classificação geral pelo primeiro lugar, o Flamengo tem 17 vitórias, o Brasília está se recuperando no campeonato e tem quatro derrotas e o Uberlândia caiu para a terceira colocação com cinco derrotas.

Marquinhos foi o cestinha com 23 pontos e 6 rebotes. Olivinha anotou mais um duplo-duplo: 11 pontos e 12 rebotes. Benite conseguiu 12 pontos, Caio Torres por pouco não chegou também ao duplo-duplo, foram 11 pontos e 9 rebotes e o armador Kojo anotou 11 pontos.

O jovem pivô Feliz que com a contusão de Shilton vem tendo espaço pra jogar, conseguiu 8 pontos e saiu com 100% de aproveitamento, mas ficou pendurado com quatro faltas bobas.


A PARTIDA

O jogo começou com o Marquinhos errando seus três primeiros ataques, mas depois converteu sete pontos seguidos e colocou o Flamengo na frente, com boa participação de Kojo e Benite. Dominando nos rebotes, a vantagem chegou a ser de oito pontos, mas caiu para cinco com uma cesta de três no estouro do bom Luis Gruber, cestinha do Uberlândia.

No segundo tempo a rotação com as entradas de Duda, Gegê e Feliz foram bem feitas. Com destaque para o pivô que anotou oito pontos, apesar de ter que voltar pro banco carregado com quatro faltas. Duda anotou cinco pontos, a vantagem foi para nove pontos, mas caiu para apenas um nos segundos finais graças as entradas dos armadores Valtinho e Helinho. Porém Marquinhos anotou uma cesta espetacular de três pontos e colocou no placar: 44 x 41.

Na volta do terceiro quarto, um mini-apagão. O Uberlândia abriu 5 x 0 com o excelente Gruber e virou a partida: 45 x 44. José Neto pediu tempo, e é incrível como esse time do Flamengo não se abate mesmo jogando contra um ginásio lotado. Duda, importantíssimo, acertou uma cesta de três. Marquinhos e Olivinha foram os destaques, marcando juntos 12 pontos. A vantagem subiu para onze, mas caiu para seis pontos com bons ataques de Robert Day e Leo: 68 x 62.

No quarto decisivo foi a vez do Flamengo abrir 5 x 0 com Kojo metendo uma bola de três e Maquinhos numa cesta simples. O bom começo do Flamengo intimidou o Uberlândia, que viu a vantagem chegar a treze pontos. Valtinho e Helinho ainda mataram bolas de três, mas esse time de José Neto é de uma regularidade absurda e soube controlar o jogo até zerar o cronômetro: 87 x 78.


NOTAS

Nota 01: José Neto fazendo Duda voltar a jogar bem. 

Nota 02: Kojo, não me canso de elogiar ele aqui, porque fui muito criticado no começo do NBB. Fez um excelente final de turno.

Nota 03: Luto no basquete pelo falecimento de Ary Vidal. Sua última participação no esporte foi sendo diretor da equipe do Flamengo quando o time conquistou o Sul-Americana contra o Quimsa e a primeira edição do NBB.

Sua foto já aparece no hall da fama do blog. Sugestão do amigo BCB. Justa homenagem!

Nota 04: Quinta-feira já pensou se os jogos fossem no Maracanã e Maracanãzinho? Galera sairia do estádio e lotaria o ginásio, como na Liga Sul-Americana de 2008.

6 comentários:

bcb disse...

André,

impressionante o comprometimento da equipe, todos focados e todos contribuindo.

Como o Kojo subiu de produção, não?

O arremesso dele deixa a desejar (a bola dele não tem arco, ele tem um arremesso reto, horrivel) mas em termos de infiltrações o cara é excepcional, defensivamente ontem ele atropelou os armadores adversários.

Duda voltou a ser decisivo, realmente um belo trabalho do Net, disparado o melhor treinador da nova geração brasileira.

Eu vou contraria ra opinião da maioria mas acho o Olivinha o MVP do Flamengo e talvez do campeonato, na frente do Marquinhos ainda, a intensidade do cara é impressionante.

Por fim, que tal uma foto do Ary no hall da fama do Ninho da Nação?

abraços meu amigo.

André Amaral disse...

Fala BCB, bela idéia.

Ary Vidal foi pro hall da fama do blog!

Kojo marcou muito ontem. Como é bom ver jogador disciplinar, seguindo as táticas do treinador.

José Neto é o cara pra 2016. Que bela escolha da diretoria.

Olivinha é um monstro, não tem bola perdida. É uma coisa contagiante.

Vamos reconquistar a hegemonia do basquete brasileiro.

Abraços meu caro!

Marcelo disse...

Tá dando muito gosto de ver esse time jogar. O Kojo cresceu muito e já tá jogando no mesmo nível dos companheiros. Todos estão jogando muito bem! Pena a contusão do Shilton, ele, que começou irregular como o Kojo, tb poderia ter crescido. A raça do Olivinha realmente é contagiante. Acho que o estilo dele casa muito bem com o do Marquinhos.

Tomara que o time consiga manter esse nível fantástico até os playoffs.

Ah, não dá pra deixar de elogiar muito o trabalho do Neto, que é excelente até agora.

André, vc viu a entrevista do Bap no site da Época Negócios? Muito interessante e empolgante. Tomara que as coisas saiam do jeito que eles estão planejando!

André Amaral disse...

Fala Marcelo, vi sim.

E hoje saiu no Lance a notícia que a prioridade é conseguir as Certidões Negativas, aí amigo, ninguém segura o Flamengo.

Vamos torcer.

Anônimo disse...

To gostando muito do mengão esse ano eu axo q o q pode tirar o titulo do flamengo é a globo q inventou esse negocio de jogo unico na final. o fla pode estar em um dia ruim e acabar perdendo o titulo de 30 e tantos jogos em um jogo! axo q se a final fosse em uma melhor de 5 ja diria q o flamengo é campeão!

Gabriel

Marcelo disse...

Pois é, André. Acho que foi no Lance tb que li que o Pinheiros vai receber um grande investimento público em suas instalações. Com essas certidões o Fla tb pode pleitear coisas desse tipo.

A final em jogo único realmente é injusta. Pelo menos, temos tudo para decidir em casa!