sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

NBB 2015/2015: Flamengo 79 x 83 Pinheiros

Depois de derrotar o Bauru o Pinheiros aprontou outra fora de casa: venceu o Flamengo por 83 x 79 na noite desta quinta-feira.

É a terceira derrota da equipe Rubro Negra, que ainda não conseguiu superar os adversários mais fortes do NBB (já perdeu para Bauru e Paulistano). E os próximos dois confrontos serão complicados e probatórios para o time de José Neto: Minas e Brasília, ambos fora de casa.

Não vi o jogo nem pude acompanhar o scout. Mas pelos números o Flamengo chutou demais na linha de três 12/32 e a defesa não conseguiu acompanhar os bons americanos Holloway e Bennett acompanhado de uma linha de jovens bons jogadores.

O garrafão Rubro Negro foi engolido pelo Renan, que anotou double-double: 11 pontos e 13 rebotes. Humberto, que chegou a ser anunciado pelo Flamengo, e Lucas Dias fizeram um bom jogo também.

O time da Gávea chegou a abrir 10 x 0 e venceu o primeiro quarto por 20 x 16. Mas logo no segundo período viu o Pinheiros virar o jogo com uma parcial de 24 x 16 no quarto e ir pro vestiário com 40 x 36. Depois conseguiu segurar a pressão durante todo o segundo tempo e alcançar mais uma grande vitória.

Foi uma derrota decepcionante.

30 comentários:

Joanilson Silva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Joanilson Silva disse...

Tbm não acompanhei o jogo, mas quando li sobre e um paragrafo dizia q o Gege entrou e melhorou a armação já comecei a ficar preocupado com o time, nada contra o Gege é um garoto q se entrega muito, é rubro-negro no sangue, mas tecnicamente é no maximo e forçando muito mediano no NBB.

Precisamos de algum jogador q de dinamismo ao time, q consiga impor um ritmo mais forte no ataque.

Imagino q os times estão deixando o Luz "jogar", pois sabem q sozinho ele não oferece muito perigo e reforçam a defesa no resto.

Espero q tenha sido somente uma noite ruim, o problema é q essa noite ruim esta sendo contra os "melhores" times , apesar q contra o Bauru era inicio de campeonato e o time não foi mal.

Mas so me preocupa para a Liga ainda acho q levamos o NBB com esse elenco.

Marcelo disse...

O Flamengo teve um aproveitamento muito ruim nos arremessos, inclusive em lances livres, e nos rebotes. Aliás, estamos sempre perdendo nos rebotes. Isso me parece preocupante para um time cujo ponto forte é o garrafão.

Antônio Neto disse...

O José Neto claramente precisa rever alguns conceitos e um destes é o basquete de transição que ele tanto gosta, como já tinha comentado varias vezes antes do inicio da temporada esse jogo não encaixa com as características dos nossos alas e pivôs, não temos muitos jogadores atléticos, ele até pode apostar em um smallball (formação com jogadores mais baixos), mas aí temos outro problema, pois utilizando Gegê e o Rafa juntos o time claramente perde poder ofensivo.

Outra coisa que não dá para entender é como um time com tantos pivôs de qualidade continua chutando de maneira excessiva essas bola de fora do perimetro. Foram demasiados arremessos de três, o Pinheiros com um jogo interior muito o inferior arremessou apenas 14 vezes.

Bcb disse...


Me parece claro que o Flamengo ainda está encontrando a sua nova identidade, especialmente no ataque, onde a equipe oscila demais.

Penso que o grande problema ofensivo da equipe é a falta de playmakers, do cara que consegue criar seu próprio arremesso se a jogada quebrar ou o momento pedir.

Acho que o Flamengo hoje só tem um jogador assim, que é o Marquinhos.

Rafa Luz não é ou será um jogador pontuador.JP Batista é um jogador interessante mas que não tem a capacidade de carregar um ataque.

O Rafael Mineiro tem tido um início discreto no Fla e é um jogador complementar, de qualquer forma.

Jason Robinson acho até que poderia ter mais iniciativa de ataque, mas não é a característica dele, é um team player.

Por isso as saídas de Nico e Benite machucam tanto, eram dois caras que você podia dar a bola que eles tinham a capacidade de decidir pr conta própria ou achar um companheiro.

Esse é o ponto desde que o Fla anunciou seu novo elenco para 2016:o time perdeu a versatilidade que era o seu grande diferencial, e se tornou um time taticamente comum.

Esse time pra chegar longe nas competições terá que ser um monstro na defesa.Ponto.

Obs:me pergunto se as vindas de Mineiro e principalmente do JP foram boas para o jogo do Jerome.

O Jerome funcione bem jogando meio como o Dwight Howard nos tempos do Magic, quatro abertos e ele no garrafão jogando com espaço para usar sua capacidade atlética no um contra um.

Concordo com o Joanilson, acho que no NBB o Fla chegará forte, o problema realmente é a Liga das Américas.

Jose Carlos disse...

Pelo que vi ontem na Gávea, o Flamengo sempre terá dificuldades contra equipes com jogadores ágeis e ficará sempre na dependência de Marquinhos para pontuar.

O pivô do Pinheiros fez um bom jogo mas o diferencial mesmo foram Humberto e Holloway, que bagunçaram a defesa do Flamengo.

Não sei o que se passa na cabeça do Neto ao colocar o Marcelinho com 40 anos para marcar jogadores velozes como Humberto ou Holloway. Não precisa entender muito de basquete pra saber que sempre vai dar m... pois ele sempre será superado e ai sobra pra um Mineiro ou um JP ter que marcar o ala e ai acontece o que vimos ontem , com Humberto e Dawkins toda hora infiltrando facilmente na defesa.

Se notarmos, as 3 derrotas do Flamengo nesse NBB foram contra times com bons infiltradores: Bauru (Alex e Fisher), Paulistano (Dawkins) e Pinheiros (Holloway e Humberto, e demos sorte que o Bennet tava em um dia ruim).


Sei que tem gente que acha que o time atual está bom, que irá render, mas sinceramente não penso dessa forma. Falta um jogador com as características do Benite, que acelere o jogo e que tenha fôlego para marcar os alas adversários.

Anônimo disse...

#SRN
O que está acontecendo é que agora que o Flamengo está jogando mais vezes as limitações da equipe estão aparecendo.
A muito tempo estamos falando em relação a um jogador com características ofensivas de infiltração e velocidade, algo que claramente o time não tem, com exceção do Marquinhos, no elenco não tem ninguém com esse estilo de jogo.
O time ficou pesado, burocrático e previsível.
O elenco é forte, porém, com uma limitação que mais uma vez ficou evidente, um armador (mediano) com um pouco mais de visão de jogo e velocidade entra como quer na defesa e desequilibra, dessa vez foi o Holloway com 19 pontos, antes havia sido o Neto e o Kojo, e não é todo o jogo que o Marquinhos vai conseguir levar o time nas costas, se não tiver ninguém para ajuda-lo a desafogar nos momentos complicados das partidas.
O elenco mesmo já começou a perceber as suas limitações, faltou pernas para acompanhar o time jovem do Pinheiros, defesa forte e transição rápida (sem infiltração, os tiros de 3 foram a única alternativa e mais uma vez amaçaram o aro - o mesmo aconteceu contra o Paulistano).
Qualquer técnico já entendeu o que precisa fazer pra jogar contra o Flamengo, se o time for mediano, é só forçar na defesa por zona e fechar o garrafão e deixar os tiros de 3, (o Bauru jogava assim até pouco tempo atrás), é um jogo feio e cansativo de assistir.
Discordo dos que dizem que podemos ganhar fácil o NBB, vejo times mais preparados e melhores do que o Flamengo no momento - não estou fazendo comparação de elenco e sim de time por time, o Neto vai ter que tirar leite de pedra pra fazer esse time ser campeão do NBB sem dizer da LDA. Agora que ele vai ter que mostrar que é um "ótimo/bom" técnico.
E volto a frisar, a cada partida contra um time forte ou que tenha um armador rápido (mediano ou não - isso vai da opinião de cada um), sofremos, ou contrata um jogador para mudar isso, ou vamos penar mais do que o necessário nos próximos jogos. (e sem a desculpa de alguns amigos do blog de que não tem dinheiro), a questão não é essa, e sim de necessidade.
Um jogador a mais não iria estourar o orçamento do time, o que pagam para o Gegê, Danielzinho e mais alguns que estão apenas comendo, bebendo e treinando já pagaria. (tenho certeza que esses mesmo jogadores que "destruíram" a nossa defesa não devem ganhar muito mais do que o Gegê).
Não estou falando pra contratar eles, apenas dizendo que não precisa de muito pra entrar como quer na defesa do Flamengo.

Joanilson Silva disse...

Não acho q vamos ganhar facil o NBB, mas sei q o time pode se ajustar ate o final e acabar ganhando o campeonato, tem experiencia e bom elenco, com jogo burocratico, mas bom elenco.

Esse ano a montagem do time acabou sendo prejudicada pelas saidas do Nicolas e principalmente a do Benite q ja foi aos 46 do segundo tempo, não dando mais chance para repor.

Acho q o elenco dessa temporada será esse e não tem para aonde correr, mas diferente dos outros anos tempos de parar com isso de so olhar o mercado após o termino do campeonato, temos q analisar e conversar com jogadores antes do fim, pois senão ficamos sem muitas alternativas.

O Neto vai ter q dar um jeito de fechar as infiltrações dos adversarios e fazer o time correr, não sei se o Marquinhos vai aguentar, mas temos q atacar em velocidade, pois no 5 contra 5 vai ficar cada dia mais dificil ainda mais sem um jogador q faça algo diferente.

Acho q o proximo jogo mesmo sendo fora de casa iremos ganhar, mas contra o Brasilia q é sempre complicado o jogo promete ser mais complicado ainda, o Derik vai fazer o Luz chorrar...

Barreto disse...

Há sempre um risco na contratação de jogadores estrangeiros para formação de elencos (Luz não é estrangeiro na língua que fala, mas jogou lá fora por toda a sua carreira) porque nem sempre eles se adaptam às novas condições. Por isso é muito difícil dizer se houve ou não erro nas contratações, o que podemos dizer sempre é se os jogadores estão ou não respondendo ao que se espera. No caso do Luz(fui contra a sua contratação) e do Jason, é obvio que não estão e acredito que o Neto os tenha indicado esperando desempenho bem superior. Se este panorama é definitivo ou não só o tempo dirá.
Na minha opinião o maior erro da diretoria se verificou antes da saída do Nico e do Benite, começou nas negociações para a renovação dos contratos do Gegê e do Marcelo. Era clamor de quase todo rubro-negro basqueteiro a saída do Gegê mesmo com a permanência do Nico. Quanto ao Marcelo, fui contra a sua renovação e continuo com a mesma opinião muito embora ainda o considere um bom jogador, que faz algumas boas partidas, contudo o seu salário não é compatível com o que regularmente produz para o time. A sua saída traria um alívio enorme na folha salarial propiciando a chegada de mais jogadores de bom nível para o elenco.
Tudo isso já pode ser considerado leite derramado? Nos casos do Marcelo , pela idade, e do Gegê pelas condições técnicas acho que sim. O fato é que , exceto o JP e o Marquinhos ( ontem teve de novo desempenho ruim nos lances livres será por que ?) todos os outros jogadores estão tendo desempenho de jogadores medianos.
Nesta temporada, o patrocínio via ICMS foi planejado em duas parcelas para evitar os problemas de fluxo de caixa ocorrido nas duas temporadas anteriores. A primeira parcela teria um aporte imediato (acho que este aporte já foi feito pela Ambev, não tenho certeza), para garantir os salários até o final do ano.
O patrocínio da Peugeot é um resquício do acordo feito para o futebol e termina agora em dezembro. A diretoria terá até janeiro para concluir os trâmites com a TIM, o que sempre gera uma incerteza até a sua concretização ainda mais porque envolve ações do governo do estado. O Flamengo ainda deve salário aos argentinos que saíram e, concretamente, só há recursos garantidos para pagar salário até o final de dezembro. Está na hora de contratar?

Barreto disse...

PS

Confesso aos meus amigos que esta derrota de ontem me deu até insônia.

Ruy Moura disse...

A contratação de um jogador para a posição 2, do tipo Ronald Ramon, resolverá todos os problemas detectados pelos comentaristas deste blog. E não está tão longe da previsão orçamentária, haja vista estar aberta a última vaga de estrangeiro, para uma eventualidade (por motivo de contusão, por exemplo). O time não está bem e tem dificuldades contra os adversários mais qualificados. As explicações encontradas para as outras derrotas, de que o time estava desentrosado e atuando fora de casa não se aplicam à partida contra o Pinheiros. Fato é que, com dois alas mais jovens e pontuadores, o adversário ganhou o jogo. Para que o Flamengo se mantenha no topo tem de contratar mais um e equilibrar o elenco. Respondendo à indagação feita pelo amigo Barreto, entendo que está na hora de contratar, antes de começar o segundo turno do NBB.

Barreto disse...

Ruy Moura

Vamos apostar então no "saco sem fundo' que por anos imperou na Gávea e voltar aos velhos tempos . Como fica a imagem do Flamengo contratando jogadores e ainda com dividas anteriores com jogadores?

Anônimo disse...

#SRN
Barreto, como já é de costume, volto a discordar de vc, acho sim que a diretoria tem que pagar o que deve para os jogadores que saíram, todos merecem receber pelo serviço prestado. A questão é que em todos os anos a diretoria sempre deixou uma vaga aberta para caso de contusão, e não acredito (mais uma vez venho falar isso), que a diretoria não tenha pelo menos uma "reserva" para essa contratação. (e vou continuar a insistir nisso até que alguém da diretoria ou o André venha com essa informação).
Independente se as contratações deram ou darão certas ou não (tb temos que dar o desconto para a parte de adaptação), o que acontece é que o time do Flamengo não é homogêneo, ainda falta alguma coisa, um "que", aquele jogador rápido e de infiltração (volto a frisar, não precisa ser um jogador extra-série), ontem perdemos por 4 pontos, contra o Bauru foram 4 tb e contra o Paulistano foram 7, não foram nenhuma derrota que poderíamos dizer que tomamos uma "lavada" e etc, mais que com um jogador com essas características, tenho quase certeza que não aconteceriam, até pq, ele iria marcar com qualidade jogadores como Holloway e Humberto. (se o Humberto tivesse fechado com o Flamengo, talvez hj não estivéssemos "pedindo" esse jogador no elenco.)
Em relação ao Marcelinho, mesmo ele "velho" como vc diz, ontem deu 6 assistência, algo que os nossos armadores não conseguiram fazer, o problema é que ele não tem mais idade e velocidade pra jogar o tempo que vem jogando, porém o Neto sem esse jogador pra posição 1/2 esta tendo que utiliza-lo mais tempo o que vem prejudicando o seu desempenho. Mas eu não trocaria o Marcelinho por muitos jogadores mais jovem nacionais ou internacionais).
#RESPEITEAHISTÓRIADOMARCELINHO

Joanilson Silva disse...

Li a entrevista do Marquinhos após o jogo contra o Pinheiros no Blog do Garrafão e ele diz q o time no 5 contra 5 é bom o problema é o jogo de transição.

Acho q o time acaba se saindo bem no jogo de cinco contra cinco pq temos excelentes arremessadores e não pq foi criada uma excelente jogada para um arremesso, mas é aquilo não entendo 10% de basquete como a maioria aqui.

Sobre a contratação de um jogador mais agressivo no ataque, entendo q não pode ser qualquer um, pois é arriscado arrumar um q bata para dentro no ataque, mas q não defenda tanto assim, sera q o Ronald marca bem, não vi isso nele nos jogos contra o Flamengo na temporada passada.

Apesar de sempre querer ver o Mengão ganhando tudo, ainda não vejo problema se essa temporada não for perfeita, entendo q estamos criando uma base e podemos ser mais incisivos na montagem do time para a proxima.

Tenho certeza q o time vai crescer.

Barreto disse...

Anônimo,

O FLamengo não tem, no momento, reserva para contrata qualquer jogador. Não adianta você discordar de mim. Você tem que discordar da diretoria.
Quando havia aquela indefinição sobre o Felício na NBA, houve quase uma comoção aqui no blog clamando pela contratação do Rafael Mineiro temendo que ele fose para o Bauru. Pois então, o Bauru não contratatou porque não tinha dinheiro e o Flamengo acabou contratando. Rafael Mineiro é ruim? Lógico que não é? Veio para fazer a diferença? Seria melhor ficar somente com Olivinha, JP e Jerome e agora ter folga para contratar um jogador da posição 2?
Contratar por contratar como fala Muricy não adianta. Pegar um empréstimo que pode ser pago posteriormente acho válido. Mas se é para contratar vamos arrebentar. Vamos trazer um Emmet ou Garcia Morales. Jogadores meia boca tipo Kojo, Holloway e outros não servem para o Flamengo. Estes detalhes financeiros você deve questionar o Póvoa. Apenas sou contra o saco sem fundo que espero nunca mais volte a Gávea. Uma coisa você pode estar certo sou tão Fou mais Flamenguista do que qualquer outro. Esta noite nem dormi direito.

Anônimo disse...

#SRN
Barreto, não estou questionando o seu amor pelo Flamengo, serei sincero, como flameguista fiquei triste com a derrota, porém não demorou 5 minutos e eu já estava dormindo. A muito tempo não perco o sono com o Flamengo, nem no basquete e muito menos no futebol.
Em relação a jogador meia boca, nisso tenho que discordar de vc, pois como eu mesmo já coloquei antes, um jogador meia boca no meio de muitos jogadores bons, melhora e muito, mas claro que esse tipo de jogar sempre será bem vindo, mas sei que as condições financeiras não são boas para isso.
Em relação ao Rafael Mineiro, acho que ele não foi uma contratação ruim, tento que ontem ele voltou a fazer uma boa partida.
A minha colocação desde o início é que "esse jogador" que esta faltando hj para o Flamengo não é tão difícil de achar e não custa tão caro assim. Só dar uma garimpada com calma e a diretoria acha a custo não tão alto.
O que acontece é que com a falta desses jogadores, o jeito e jogar de muitos estão sendo prejudicada, o Meyinsse é uma prova clara disso, ele não é nem sombra do jogador que ele foi nas 2 temporadas passada. E não é por falta de minutos em quadra e sim pq a forma como o Flamengo joga é "estranha" para a maioria deles. (sei que é um novo time e blá, blá, blá, mas isso não justifica).
E como vc (viu nem sempre discordamos... rs) sou a favor de pagar as dívidas e nada de saco sem fundo, como vc espero que tais administrações nunca mais apareçam pelos lados da Gávea.
Mas como muitos aqui e acredito que o Neto e a diretoria já devem ter percebido que esse time tem um "ponto fraco" e que se quiserem ganhar os campeonatos terão que trazer um jogador para anular isso.
Mas se a ideia é apenas "disputar" e se ganhar ok, mas se não ok tb. Esse time é forte o suficiente para isso.

Thiago disse...

Pra mim nao eh culpa dos jogadores(tirando o Gege que so esta la pelo lado emocional do neto) eh culpa de quem montou esse elenco, não adianta contratar bons jogadores pra posições erradas.. Flamengo precisa de alguém profissional montando o elenco ou um técnico top de linha gringo, precisa de alguém que não leve o lado emocional na hora de escolher jogadores, alguém ''distante'' do elenco pra montar. Diretoria falou claramente o Jason Robinson era 2 quando contratou, em uma pesquisa de 5 min no google vi que ele era 3 e comentei. Poxa serio mesmo que eles achavam que ele era 2? Eu queria mto entender isso.

Anônimo disse...

Eu acho que o Barreto realmente falou tudo agora;
Marcelo e Gege ai foi onde o bixo pergou.
Gebe so esta la pelo lado emocional, não vou mai passar a mao na cabeça e falar a mlk gente boa e racudo pra jogar basquete profissional no flamengo, tem que sabe jogar basquete isso ele não sabe, e não adianta esse papo de jogador marcador, pq ele não eh, erra todas as trocas, toda hora acaba marcando pivo em baixo do garrafao. Quando o Gege veio pro flamengo do tijuca, ele era um garoto de 20 anos, foi uma contração pra LDB e pra ser terceiro armador na época (benite vinha pra ser o 1 titular e kojo o 1 reserva)
Uma contração acertada com certeza, mas ele acabou virando um jogador de 15-20 min não evoluiu nada e hoje não eh um garoto eh mais velho que o luz tem 24 anos e não sabe jogar basquete, e não vai aprender, erra mtos passes, não sabe marcar, e so sabe chutar pra 3(mto mal 25% aproveitamento de pivo) nem cobrar LL não sabe, a culpa eh dele? Logico que não ate eu aceitaria jogar basquete no flamengo se me chamar, a culpa eh do Neto(treinador que não esta a altura do flamengo vejo mto mais ele com um intermediador e gestor de pessoas que treinador).
O Marcelinho eh um acaso a parte, sempre tomamos mto cuidado de falar dele por ser o maior ídolo e ter mudado a historia do basquete do clube, mas hoje eh um vergonha o que esta sendo feito, um dos maiores salários do elenco foi renovado, e vem se arrastando em quadra. Não adianta falar que ele faz ponto, pq ele chuta mto pra 3. Mas defensivamente eh vergonhoso, sinto VERGONHA toda vez que ele entra em quadra, eh VERGONHOSO ele marcando. Principalmente ala armadores ou armador. Contra o pecos do paulistano e agora o Humberto do Pinheiros, como ele que hoje não consegue correr vai marcar um cara desses? Ateh o Meyinsse eh mais rápido que ele hoje, chegou ao ridículo de colocarem o mineiro pra marcar o 2 pq ele não consegue. Não vejo como culpa dele tmb, culpa de quem renovou o contrato. O que ele e o Gege vem fazendo eh apenas o esperado não vem jogando abaixo do que esperado.
Pra mim tem que cortar o mal pela raiz tirar o neto do time ainda nesse campeonato, romper com marcelinho e gege, mesmo que tenha que pagar metade do dinheiro do contrato ateh o fim da temporada e traz um gringo que traz a 1-2. Garanto que mesmo com a metade do salário do Marcelinho e o dólar a 4 reais ainda da pra trazer um bom gringo pra posição 1-2. O jamal por exemplo saiu do são jose deve ganha um mixaria coloca ele na 1 e o luz na 2

Antônio Neto disse...

Anônimo, rescindir contrato agora não é uma boa, pois o Flamengo teria que pagar uma multa que corresponde a quantia que eles teriam de receber até o final do contrato.

Gegê possui contrato até Junho ou Julho, Marcelinho se não me engano tem contrato até janeiro de 2017 e o José Neto possui um contrato de 2 anos.

Barreto disse...

Marcelo renovou até o final desta temporada. Junho de 2016.

Antônio Neto disse...

Sem contar o impacto psicológico que isso causaria ao resto do elenco.

*No futuro não renovaria com o Gegê, Marcelinho, José Neto e Olivinha.

Barreto disse...

José Carlos,

Não estava no RJ por isso não fui ao jogo.

Porém , hoje, Vi um vídeo no "Garrafão Rubro-negro" mostrando uma jogada que você está sentido falta no Flamengo atual. O Pick'n' roll do Rafa Luz como o Jerome. Pode ser apenas uma questão de treinamento e entrosamento. Não acredito que um jogador que foi titular da seleção no PAN não esteja preparado para fazer uma jogada básica como esta.

Barreto disse...

Vejam a jogada.


http://fb.me/7A0DuuRLG

Barreto disse...

Passei o link errado da jogada.

O Link é este:


http://fb.me/52iEHju4W

Joanilson Silva disse...

Vi esse lance ontem e achei muito boa jogada e era isso q eu esperava com mais frequencia, pois temos ainda o JP e o Mineiro, mas pelo visto o negocio ainda não esta bem alinhado.

Não vejo pq tomar decisões tão drásticas agora, temos uma boa base e podemos evoluir muito, sei q existe ressalvas ao trabalho do Neto, mas é um bom tecnico.

Uma observação quando o Flamengo perde vem uma galera meter o pau no time, acho q tbm não é assim temos muitas coisas a melhorar e sempre teremos, mas tbm não estamos nem proximo ao fundo do poço.

Anônimo disse...

#SRN
Joanilson, a questão nem é meter o pau no time, acredito que a maioria dos que passam por aqui (inclusive eu), sempre espera o melhor do time, concordo com todos os comentários que temos um belo time, forte para os padrões nacionais do NBB, o lance nem seria esse (tb não concordo com o lance de mandar o Marcelinho embora, o Gegê talvez... rs), mas o Neto longe disso.
O que estamos debatendo e pedindo aqui é um jogador de transição rápida, que tenha velocidade para defender e fazer infiltrações. Hj o time não tem um jogador desse estilo.
Acredito que a maioria dos que escrevem nesse blog é de um time não perfeito, mas sempre tirando e fazendo o melhor, e sabemos que esse time pode fazer muito mais, claro que eles ainda estão achando uma melhor forma de jogar, e que o 1 turno do NBB será muito importante para isso, mas quase todos aqui tb tem a clara noção de que falta algo e esse algo a mais é um jogador da posição 1/2 com as caracteristicas mencionadas acima.
Se ele vai vim ou não, é uma outra história, e mesmo que venha, não sabemos se vai dar certo e vai encaixar na equipe.
Mas claramente a maioria tb sabe que o time é forte e que pode e vai disputar pra ganhar todas as competições que entra.

Antônio Neto disse...

Eu não concordo com essa exigência por reforços, o elenco mesmo com alguns problemas possui totais condições de ganhar o NBB ou a LDA (ou os dois). E se analisarmos bem veremos que todos os times do Nbb possuem carências e todos precisam de reforços em alguma posição.

Se o que Barreto falou é verdade, não tem sentido ficarmos aqui pedindo contratações quase que toda semana, o clube de forma alguma pode comprometer sua saúde financeira.

E sinceramente se o clube tivesse algum dinheiro sobrando, eu gostaria muito mais que investisse esse dinheiro fora das quatro linhas, pois tem tanta coisa que poderia ser feita, a parte de comunicação por exemplo é algo que na minha opinião deveria ser prioridade máxima.

Anônimo disse...

Paulo Jr.
Pessoal, aqui vão algumas observações:
1) Todos nós concordamos que seria interessante se pudéssemos contratar um armador/ala-armador, aquilo que eles chamam de combo guard, que soubesse defender melhor que o Marcelinho e infiltrar e arremessar melhor do que o Luz e Jason Robinson. Até agora todos os indicativos são que realmente não temos dinheiro para um grande jogador.
2) Contratar um Garcia Morales ou um Emmett seria maravilhoso, mas provavelmente inviável do ponto de vista financeiro. Perdemos a oportunidade de contratar o Deryk (ex Limeira, atualmente Brasília), que seria barato e é um jogador com potencial. Não viria para ser titular, mas para ajudar e para se desenvolver. Acho que teria sido uma ótima aposta, como teria sido a contratação do Humberto, do Pinheiros.
3) Concordo com a ideia do Barreto de que não podemos contratar jogadores mais ou menos. Mas também precisamos de jogadores reservas que se contentem com minutos limitados e consigam mudar a característica do time. Acho que jogadores jovens se encaixariam nessa definição. Quando a contratação do Humberto deu errado, imaginei que a contratação do Pedro e do Gabriel era para suprir essas características, mas até agora eles não jogaram/não corresponderam/não se adaptaram, etc. e não sabemos bem o que tem acontecido.
4) Todos estamos chateados com a derrota e todos temos alguma crítica em relação ao Neto ou aos jogadores. Mas ninguém pode negar que o Neto é o melhor técnico em atividade no Brasil (alguém acha alguém melhor?), e ninguém pode negar que nosso elenco é um dos melhores das américas.
5) Quando alguém forma um time de basquete nunca há certeza absoluta se as peças vão se encaixar, se as características vão se complementar em quadra ou se os egos vão conviver bem. De duas uma: ou esse time não vai se encaixar plenamente nunca, ou então o time ainda precisa de tempo para se ajustar e entrosar. Acredito nessa última alternativa. O time mostrou flashes de que será muito bom na defesa, muito pouco egoísta com a bola e com um garrafão muito forte. Acho que Rafa Luz e Robinson vão melhorar seus desempenhos, são bons jogadores e Neto vai achar o equilíbrio que falta para o time.
6) Quando fico em dúvida em relação ao time, lembro que, por mais que eu ache que conheço basquete, o Vido, o Póvoa e o Neto VIVEM basquete 24h por dia, 365 dias por ano. Eles conhecem muito mais do que nós todos. Podem errar, e de fato erram, mas não dá pra dizer que é por desconhecimento.
7) Alguém sabe o valor da renovação do Marcelo? Sei que o contrato dele era muito alto, e ele tinha contrato por mais seis meses, terminando no meio da temporada. Ele assinou por mais seis meses, e imagino que o valor da extensão não tenha sido o mesmo do contrato anterior, não é isso? Seria ilógico renovar pelos mesmos valores, considerando que ele não tem mais a mesma forma física e nem os minutos que tinha há 3 anos atrás, quando o contrato foi assinado. Alguém sabe como foi?

Srn

Barreto disse...

Paulo JR

Assino em baixo dos seus comentários.

Não sei quais foram as bases da renovação do Marcelo.

Com relação ao Póvoa e o Vido além de respirarem basquete também jogaram. É evidente que eles sabem quais são as nossas deficiências. Se aparecer uma folga no orçamento alguém poderá chegar, mas tenho certeza que não farão contratações sem lastro financeiro.
A minha maior decepção até agora tem sido o Jason. Acompanhei de perto 2 temporadas inteiras da liga ACB no site que assino que transmitia quase tudo desta liga. Vi vários jogos do Jason. Meu amigo o cara arrebentava ofensivamente tanto nos arremessos de média e longa distância quanto nas infiltrações e jogadas de pick'n' roll. Não sei o que está acontecendo com ele. Em um dos jogos contra o Barcelona anotou 45 pontos. Foi MVP em várias rodadas. Estou esperando que ele retome o seu basquete

Abração,

Gustavo disse...

Papai Noel:

Eu quero te pedir esse ano um armador muito bom para o time de Basquete do Flamengo para que possamos ser campões mais vezes nessa temporada, que o Muricy consiga montar um grupo maravilhoso, que seja feliz e conquiste grandes títulos no Flamengo em 2016 e 2017 e paz para todos.

Muito obrigado.