terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Negueba, César, Muralha e Anderson no profissional, Romário voltou pra base

Luxemburgo subiu quatro jogadores para o profissional nessa segunda-feira. O meia-atacante Negueba, o goleiro César, o volante Muralha e o lateral esquerdo Anderson.

Agora nos profissionais, a diretoria não pode fazer com o César o que fizeram no caso do Airton, onde bastava pagar uma quantia para comprar 50% restante do Nova Iguaçu. São necessários 150 mil até dezembro para ter todos os direitos do César.

E não demorará muito para Muralha mostrar nos treinamentos o potencial que tem. Já o considero como o primeiro reserva do time. E o Anderson na lateral esquerda, quer dizer que Luxemburgo não pensa no Jórbison como opção.

Já o atacante Romário, voltou para a base. Essa não deu pra entender. O atacante deixou de jogar a Copa São Paulo para fazer a pré-temporada em Londrina e agora volta pro time da base para jogar o Estadual. Alguém encontra explicação?

Claro que deve ser sido importante e prazeroso fazer a pré-temporada com os profissionais, o muleque tem apenas 16 anos e já treinou com Ronaldinho e Thiago Neves, mas deve também ter sido frustrante não participar do título da Copinha, e agora ter que disputar o Estadual.

Romário até entrou nos dois amistosos, contra o Londrina e o América-MG,  nesse último, fez uma bela jogada pela ponta direita e sofreu falta, que resultou na magistral cobrança de Botinelli. Mas com as chegadas, antes do Vander e agora do Wanderley, ele perdeu espaço no time.

O próximo jogo pelo Estadual Juniores será na quinta-feira contra o Nova Iguaçu pela manhã.

No empate contra o Vasco no sábado em São Januário, o time titular foi: Caio; Alex, Marlon, China e Anderson; Muralha, João Vitor (Romário), Lorran e Adryan (Rafinha); Guilherme Negueba e Thomás (Elvis)

Banco: Vidotti, Matheus Bissi, Digão, Maicon, Elvis, Rafinha e Romário.

Amanhã, antes da estréia de Ronaldinho, a garotada campeã da Copinha dará volta olímpica no Engenhão. Eles merecem!

4 comentários:

André Monnerat disse...

Só podemos chegar à conclusão de que, ao observá-lo nos treinos, o Luxemburgo achou que o Romário ainda estava verde para ser efetivado nos profissionais.

Quanto ao César: pelo que sei, está fixada a quantia para que o FLamengo compre 50% dos direitos dele. Os outros 50%, aí tem que entrar em negociação sobre o valor.

Gustavo disse...

Concordo com o André Monnerat, que na observação do Luxa, o Romário ainda está verde, mais também acredito na Hipotese, de o Luxa ter mandado ele disputar o carioca pelo juvenil, para ele poder jogar e pegar ritmo de jogo, pois no profissional será dificil ele ter uma chance.

Lívia disse...

Concordo com a André Monnerat (+1)

Romário parece ser bom, mas já tem gente demais ali na frente.

André Amaral disse...

André, Livia e Gustavo

Deve ter acontecido isso mesmo, mas o Luxemburgo poderia ter liberado o garoto pra disputar a Copinha então, ou ele só viu isso no final da pré-temporada?

Mas acho que pesou também a falta de atacantes, só tinha o Deivid, depois chegou o Vander, que não é lá um atacante-atacante mesmo. Precisava subir alguém da base, escolheram o Romário.



André, o valor já está fixado em R$ 150 mil.

Veja esse link do dia 28: http://globoesporte.globo.com/futebol/times/flamengo/noticia/2011/01/cesar-sopra-vela-dos-19-anos-e-pede-quero-aproveitar-imensidao-do-fla.html