terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Assim não Flamengo, assim não!


Gonzalo Garcia experimentou sua primeira derrota depois de quatro vitórias, e foi bonito não. Jogando em casa e com um caldeirão, o Uberlândia venceu o Flamengo por 89 x 68. Não lembro do último placar elástico dessa maneira. Vai ter trabalho o treinador!

Claro que a longa viagem de Ibarra para o Rio, e depois já na segunda-feira enfrentar mais desgaste da viagem pra Minas pesou, mas não pode tomar 37 pontos em um quarto, é caixão certo.

Os destaques do time da casa foram, como previstos, os americanos Robert Day com 22 e Robby com 20 pontos, e pelo Flamengo Marcelinho fez 17 e Teichmann 10 pontos. 

David Teague que foi o desafogo durante a Liga das Américas marcou apenas 2 pontos. Sinto cheiro de algo estranho no ar. Com Kyle Lamonte e Paulo Chupeta eu matei, com Teague acho que....

Nos rebotes, Teichmann pegou 9 e Baby 6.

O assustador foi nas assistências. O Flamengo deu apenas duas, isso mesmo, duas em todo jogo. Uma do Fred e a outra do Duda.

A linha de três que sempre foi decisiva pro Rubro Negro, hoje sofreu. Uberlândia teve um excelente aproveitamento, acertando15 em 29 tentadas, mais de 50% de eficiência, enquanto que pelo Flamengo foram 28 tentativas e apenas 8 triples.

No intervalo o jogo estava equilibrado, parelho, 35 x 33 pro Flamengo, mas o maldito terceiro quarto e o apagão dos jogadores foi decisivo. Aí correr atrás de 22 pontos de diferença no quarto decisivo era impossível.

Foi a segunda derrota do time, que já havia perdido para o Pinheiros em casa, mas mesmo assim continua líder do campeonato, com oito jogos e seis vitórias.

Agora é tentar recuperação em casa, na sexta-feira contra o São José e no domingo contra Limeira. Os dois jogos na Arena da Barra.

Um comentário:

lucasdantas21 disse...

Se o Teague sair... nóis tamo enrolado . SRN