sexta-feira, 14 de maio de 2010

A contratação cirúrgica mais importante!

Não foi Wagner Love, nem Adriano, e muito menos César Cielo, a contratação mais importante e que vai definir o futuro do Flamengo no ano e principalmente os três anos de mandato de Patrícia Amorim será do "manager" para dirigir o futebol.

A contratação do cara pra comandar o futebol tem que ser cirúrgica e acertada. Se ela errou nesse ano, agora, ela não pode errar, tem que ser na mosca.

Como escrevi outra vez aqui no blog, se o cargo está vago e ela está "assumindo" junto com Isaias Tinoco o comando do futebol, é porque ela deve estar esperando o cara ideal para a função, pois o que não faltam são nomes, dirigentes para o cargo, e se fosse para escolher qualquer um, era só jogar o colete pro alto.

E agora surge a notícia que Leonardo fará no domingo sua última partida pelo Milan. A chance é essa, se não for agora, não será nunca mais.

Momento de decisão para o Clube!


Segue a coluna de Renato M. Prado em O Globo hoje:

"O Flamengo não pode mais postergar a contratação de um “manager” de gabarito para dirigir o futebol. Patrícia Amorim agiu bem, ao intervir, quando o ex-vice de futebol Marcos Braz se perdeu, num misto de arrogância e truculência, e o técnico Andrade já nem sabia mais o que fazer para rearrumar o time e unir o grupo. Mas, agora, a presidenta precisa avançar.
Soluções emergenciais não devem durar muito.

Caso contrário, começam a gerar equívocos, como a efetivação precoce do técnico Rogério Lourenço — o trabalho dele ainda nem teve tempo de ser bem avaliado. Por que, torná-lo definitivo?

Se o escolhido para liderar o departamento de futebol rubro-negro será Leonardo, do Milan; Eduardo Maluf, do Cruzeiro (nomes mais falados nos últimos tempos, na Gávea); ou algum outro, pouco importa. O que não se pode mais é postergar a contratação de um profissional que tenha capacidade inquestionável e remuneração compatível com o cargo. E que assuma logo! Patrícia Amorim anda assobiando e chupando cana. Ou, como se diz no jargão do “velho e violento” esporte bretão, cobrando córner e correndo pra cabecear. E a praia dela não é essa...
"

4 comentários:

Miguel Gonzalez disse...

O Leonardo seria uma boa.

Acho que cada esporte olímpico precisava de um "Leonardo" tb.

Leonardo Kope disse...

Bom Dia, esta afim de trocar de Links eu add o seu blog e vc add meu blog na sua lista de blogs? blz?
www.futebolcomnoticias.blogspot.com

Leonardo Kope disse...

Bom Dia, esta afim de trocar de Links eu add o seu blog e vc add meu blog na sua lista de blogs? blz?
www.futebolcomnoticias.blogspot.com

Anônimo disse...

Não