segunda-feira, 26 de abril de 2010

Natação e as promessas!


A presidente Patrícia Amorim disse logo depois que acertou a contratação do Trio de Auburn, que na mesma semana seriam anunciados os patrocínios para a natação e para os esportes olímpicos, mas estamos chegando chegando a quase um mês da contratação das estrelas das piscinas e nenhum anúncio foi confirmado.

O blog torce pelo sucesso dos esportes olímpicos, mas deixa claro que é necessário que seja feito tudo com zelo, com planejamento, para não ter atrasos de salários e quebra de confiança com os atletas olímpicos.

No dia 06 de abril, postei no blog o seguinte post: "Cielo, um risco calculado", com a entrevista que Harrison Baptista concedeu ao site Máquina do Esporte:

"É por isso que nós estamos correndo um risco ao fechar com atletas antes de termos todos os parceiros definidos, mas corremos um risco calculado. Estamos dando um passo de cada vez e fazendo a coisa de uma maneira em que a receita possa cobrir. Começamos colocando todo mundo em dia, levando o esporte para o momento zero. A partir daí, iniciamos um projeto para decolar. Estamos começando a crescer, mas com um planejamento calculado"


***********


As estréias de Cesar Cielo, Nicholas dos Santos e Henrique Barbosa com a touca do Mengão será nos dias 03 a 09 de maio no troféu Maria Lenk de Natação que será disputado nas piscinas do Unisanta em Santos-SP.

O desfalque Rubro Negro fica por conta de Monique Ferreira, pois está se tratando de problemas no ombro. Já estava definido que ficaria de fora desta competição até se recuperar e se preparar melhor para o segundo semestre.

Para essa competição, o Rubro Negro inscreveu 15 atletas no masculino e 6 no feminino. A lista completa o leitor pode conferir aqui.

Confira aqui também o blog da natação do Flamengo, e o grito de guerra do Mengão:

6 comentários:

André Monnerat disse...

E como falei na época: tem que aparecer logo os patrocinadores disso aí. Hoje, acho difícil que até mesmo o basquete seja autossustentável.

E aí, o que acontece é que toda vez que o futebol perder, vão lembrar que tão tirando dinheiro do futebol pra dar pros outros esportes. Pode ver que já tem gente em blogs e fóruns por aí criticando ela, chamando de "Paty Piscina".

Ou deixam bem claro que não estão tirando dinheiro do futebol pra essas coisas, ou vão encher muito o saco dela com isso ainda.

Miguel Gonzalez disse...

Com Monique Ferreira, o Pinheiros era favorito. Sem a estrela, o Pinheiros vai ganhar fácil o Troféu Brasil.

Falando em salários, o Flamengo ainda deve os salários do time Adulto de Futsal de 2008 e 2009 (e que foi finalmente embora da Gávea), além dos de Luizomar de Moura, Virna, Leila (Voleibol) e Jade Barbosa (GAF).

Miguel Gonzalez disse...

Para se ter uma idéia, o Pinheiros inscreveu 65 atletas, o Minas Tênis 58 e o Corinthians 38. É impossível o Flamengo ganhar com apenas 21 atletas, mesmo número da UNISUL, e número inferior ao do Fluminense (31 atletas).

Pelo menos o Flamengo terá mais atletas que Curitibano (19) e Botafogo (17). Mas é pouco.

O Flamengo não deveria ter concentrado todos os esforços no Cielo. Ele compete apenas em 3 provas.

André Amaral disse...

É verdade André. Também postei uns dias atrás que não será levado em conta que o Clube social está sendo revigorado, que os esportes olímpicos estão sendo estruturados e cada um buscando seu patrocínio e sua sobrevivência, se o futebol não tiver sendo bem conduzido.

Não serão poucos torcedores, oportunistas claro, que associaram a contratação do Cielo a um possível fracasso do futebol.

Que ela dê uma resposta rápida.

André Amaral disse...

Miguel

O objetivo do Fla nem era a liderança esse ano, no máximo uma quarto, quinto lugar.

Sem a Monique, que pontua bem, vamos ficar atrás do Pinheiros, Minas, Unisanta e Corinthians.

O Fluminense tem uma categoria de base forte, fruto dos bons trabalhos que fizeram.

O Flamengo ficou para trás, e agora está começando do zero.

O Cielo compete em 3 provas, mais os revezamentos, que garantem muitos pontos.

Abraços

Miguel Gonzalez disse...

Eu li que a Patrícia queria o título deste ano para evitar que o Pinheiros ultrapasse o Flamengo em número de títulos.

Tantos clubes já nos ultrapassaram em tantos esportes, pode deixar mais um...falo de Boxe, Remo, Tiro, Handebol, Pólo Aquático, Atletismo, etc, etc.